3.2.08

the email's draftbox

Batalha?

De expressões? You think you can beat me, mister? Olha que eu soue do Nuorte!

O tal de Zvon, é correntemente conhecido por Zvo, mas Zvon até não estaria muito errado porque vem de Zvonimir. Boban. O Zvo é um menino grande que continua a ser menino e grande, ao mesmo tempo. Se é que isso é possível, mas ele consegue. É de conhecer, é de conhecer, mas eu sou suspeita claro. Nunca se diz que não a fins de semana nas montanhas, pois não? ;)

Bolas. Creio que estou a ficar com sono. Eu sou o sono, o sono é eu. sou eu. whatever. Sempre fui de dormir muito. Às vezes sinto-me culpada por querer dormir tanto e tento-me controlar, mas a luz do dia dá-me vontade de dormir e de não fazer nada o dia todo. Os dias chuvosos também. Gosto de estar acordada em noites escuras, cerradas e frescas e secas. As quentes dão vontade de beber bejeca e jogar às cartas e tocar guitarra a noite toda. Logo, as noites de trabalho são muito raras.

Eu, o que mais chateava os meus pais, era o ritmo com que comia. Demorava sempre 2 ou 3 horas, e a frase que mais ouvi na minha infância era "Despacha-te a comer, senão enfio-te a comida pelas goelas abaixo." Ainda hoje sou sempre a última a acabar de comer, quando as pessoas se estão a servir da sobremesa, eu ainda me estou a servir pela 2ª vez. É um clássico, já ninguém espera por mim. Tirando, quando não tenho vontade nenhuma de comer, ou de estar à mesa, suponho. Aí como tão depressa, que depois fico com azia.



--
Há coisas neste mail que eu não percebo. Tais como o destinatário e até os intervenientes disto que mais parece uma conversa. E tenho dificuldades em distinguir as minhas partes das outras.
Ou será que era eu a falar com o meu outro eu?

2 comentários:

Joana disse...

era para quem isso?

joui disse...

não sei!
estava na caixa de rascunhos do meu e-mail... LOL!